Bugatti envia Boas Festas com o novo Chiron

A Bugatti já confirmou o nome oficial do substituto do Veyron. Ele será chamado Chiron, como os rumores sobre ele já haviam antecipado. Agora, a empresa enviou seus votos de Boas Festas. O único problema é que o presente de Natal só será desembrulhado em março, quando o Salão de Genebra abrir as suas portas. Como você pode ver na imagem acima.

Bugatti-Quíron

Sob a embalagem, nota-se a silhueta do novo Chiron. Que ele mantém mesmo quando é testado nas ruas, como mostra este vídeo recente.

Nele, o Chiron tem a companhia de outros supercarros, como Porsche 918 Spyder, Lamborghini Huracán e BMW i8, modelos que devem ter servido de base de comparação. Nenhum na mesma divisão que o novo Bugatti, com certeza. Ainda não surgiu um carro capaz de conciliar o mesmo nível de luxo e de desempenho que Bugatti alcançou com o Veyron. E que ela pretende superar com o Chiron.

Informações preliminares dizem que ele terá o mesmo W16 8.0 que foi usado pelo Veyron, mas com um mais potência, perto de 1.100 kW. Dizem que dois de seus quatro turbocompressores serão elétricos, o que vai diminuir (se não eliminar de vez) o turbo lag e ajudá-lo a economizar combustível. Com esse tipo de potência, o Chiron será capaz de ir de 0 a 100 km/h em 2,3 s e atingir uma velocidade máxima de mais de 450 km/h.

Quem já viu o hiperesportivo diz que ele se parece com o Vision Gran Turismo Concept, modelo concebido para o game Gran Turismo, mas também uma antecipação do futuro da marca. Compare o perfil do conceito ao que o Chiron apresenta. Tire os apêndices de corrida que existem no Vision e nos atrevemos a dizer que você tem quase o mesmo carro.

Bugatti-visão-gran-turismo-3

Bugatti-visão-gran-turismo-1 Bugatti-visão-gran-turismo-2

Louis Chiron foi um piloto francês que teve o maior número de pódios com carros Bugatti, daí a homenagem. Que não é a primeira que a companhia presta a ele, a propósito. O primeiro Bugatti já criado sob o comando da VW foi a 18/3 Chiron, desenhado por Fabrizio Giugiaro e apresentado no Frankfurt Motor Show 1999. 18/3 é uma referência ao motor, um W18 com 3 bancos de seis cilindros.

Bugatti-EB-18-3-Chiron-1999-1

Bugatti-EB-18-3-Chiron-1999-2 Bugatti-EB-18-3-Chiron-1999-3

Gustavo Henrique Ruffo

I have been an automotive journalist since 1998 and have worked for many important Brazilian newspapers and magazines, such as the local edition of Car and Driver and Quatro Rodas, Brazilian's biggest car magazine. I have also worked for foreign websites, such as World Car Fans and won a few journalism prizes, among them three SAE Journalism Awards and the 2017 IAM RoadSmart Safety Award. I am the author of "The Traffic Cholesterol", a book about bad drivers that you can buy at Hotmart, Google Play, Amazon and Kobo.