Lotus apresenta o Evora Sport 410

A Lotus prometeu revelar dois novos supercarros no Salão de Genebra. Enquanto as especulações permanecem fortes sobre o segundo modelo, o primeiro foi antecipado hoje. Será o Evora Sport 410, um Evora 400 melhorado.

Lótus-Evora-esporte-410-2

O Evora usa um motor 3.5 V6 da Toyota com compressor mecânico Edelbrock, mas o Sport 410 é apenas 8 kW (11 cv) mais forte do que o 400 (306 kW, ou 416 cv, contra 298 kW, ou 405 cv), mas é 70 kg mais leve. Em vez do peso vazio de 1.395 kg da versão manual do 400, ele pesa 1.325 kg. A versão automática pesa 1.337 kg, contra 1.407 kg da do 400. Ele tem 4,39 m de comprimento, 1,85 m de largura, 1,23 m de altura e uma distância entre eixos de 2,58 m.

Lótus-Evora-esporte-410-3

Ironicamente, a versão automática é ligeiramente mais rápida do que a manual: 4,1 s de 0 a 100 km/h, enquanto o manual faz o mesmo em 4,2 s. Sua velocidade máxima, por outro lado, é inferior à do manual: 280 km/h, contra 300 km/h. Estes números são muito parecidos com os apresentados pelo 400. A principal diferença está relacionada com a sustentação negativa aerodinâmica: 37 kg para o 410 e 32 kg para o 400, ambos a 241 km/h. Isso pode ser útil na pista. Na vida real, poderia não ser suficiente para o Evora Sport 410 vender bem. Considerando, porém, que ele terá produção anual limitada a 150 unidades, está na medida.

Gustavo Henrique Ruffo

I have been an automotive journalist since 1998 and have worked for many important Brazilian newspapers and magazines, such as the local edition of Car and Driver and Quatro Rodas, Brazilian's biggest car magazine. I have also worked for foreign websites, such as World Car Fans and won a few journalism prizes, among them three SAE Journalism Awards and the 2017 IAM RoadSmart Safety Award. I am the author of "The Traffic Cholesterol", a book about bad drivers that you can buy at Hotmart, Google Play, Amazon and Kobo.