Por que o Alfa Romeo Giulia está demorando tanto para aparecer?

O retorno de Alfa Romeo à tração traseira não está tão fácil como seria de esperar. De acordo com um relato de fornecedores ao Automotive News, o Giulia não conseguiu cumprir os padrões de segurança internos referentes a batidas, o que atrasou sua introdução no mercado. Confessamos que não ouvimos qualquer prazo para a apresentação formal deste carro. A Alfa Romeo disse apenas que ele seria lançado em 2016, mas não em que ponto de 2016. Só que há muitas coisas acontecendo simultaneamente para ignorarmos que este Alfa Romeo possa ser realmente problemático.

Alfa-romeo-negócios-plano-adiada

Primeiro, a empresa anunciou uma mudança de seus planos de negócios. A razão alegada é “incertezas na China”. O Giulia ainda estaria previsto para 2016, mas o SUV só viria em 2017. Outras apresentações de produto, tais como a do sedã grande (substituto do 166), dois novos SUVs, um hatchback (provavelmente um substituto do Giulietta) e dois novos veículos especiais (possivelmente para mostrar aos 4C Coupé e Roadster o fim da linha) estão previstos de 2017 até meados de 2020. E depois vem a pegadinha: investimentos em pesquisa e desenvolvimento, produto e fabricação foram reduzidos até 2018.

Alfa-Romeo_Giulia_5

Alfa-Romeo_Giulia_3 Alfa-Romeo_Giulia_4

O segundo movimento suspeito foi a suposta saída do chefe de desenvolvimento do Giulia, Philippe Krief. Ele será substituído por Roberto Fedeli, considerado como um mestre em consertar carros com problemas. Alguém pensou no Giulia? Se tudo com o carro está em ordem, por que Krief sairia da Alfa Romeo antes de revelá-lo? A Alfa Romeo nega quaisquer problemas com o carro, mas agora que os relatórios surgiram, sua resposta é apenas óbvia. Quem gostaria de comprar um sedã de luxo do segmento C com problemas confirmados de crash-test e de maneabilidade? Sim, também há relatos sobre o comportamento do carro, que não seria o ideal.

Alfa-Romeo-SUV

Marchionne afirmou recentemente que gostaria de ver a Alfa Romeo voltar à F1 com uma equipe própria, mas isto provavelmente é uma cortina de fumaça para as más notícias que surgiram nos últimos tempos. Se a Alfa Romeo quiser provar que os rumores são falsos, ela terá que fazer algo muito mais consistente do que apenas negar. Apresentando a Giulia e o novo SUV seria uma ótima idéia…

Gustavo Henrique Ruffo

Sou jornalista automotivo desde 1998 e trabalhei para alguns dos meios, especializados ou não, mais importantes do Brasil, como Folha de S.Paulo, Jornal do Carro, a finada Oficina Mecânica, Gazeta Mercantil, WebMotors, FlatOut, Car and Driver e Quatro Rodas. Também escrevi para meios estrangeiros, como o site World Car Fans, e ganhei alguns prêmios de jornalismo, da SAE, da AEA e o IAM RoadSmart Safety Award 2017, pelo The Guild of Motoring Writers. Também sou autor do livro "O Colesterol do Trânsito", sobre maus motoristas, que pode ser comprado como ebook no Hotmart, na Amazon e como cópia física no Clube de Autores.

Secured By miniOrange