Ford vai produzir o motor 1.0 EcoBoost no Brasil

O site argentino Autoblog publicou que a Ford irá produzir seu motor 1.0 EcoBoost no Brasil, o que faz todo o sentido. A Hyundai está testando seu motor 1.0 de 3 cilindros turbo no Brasil e a Volkswagen já colocou o motor 1.0 de 3 cilindros turbo flex EA211 à venda no up! TSI. Qualquer um com um motor desses não deveria perder tempo para começar a usá-lo. Não só porque é muito eficiente em consumo de combustível sem ser chato, mas também porque o Brasil tem impostos mais baixos para carros com motores menores ou iguais a 1.000 cm³.

O primeiro carro a receber este motor seria o Fiesta. Ele seria primeiro importado da Europa e posteriormente produzido no Brasil, um movimento que é estranho, já que o motor 1.0 Ti-VCT no qual ele é baseado já é produzido aqui. Se isso estiver correto, pode ser devido ao fato de que a Ford não quer perder tempo. Com a agitação política em que o Brasil está com a iminente detenção do ex-presidente Lula e a possível cassação de sua sucessora, Dilma Roussef, as leis tendem a mudar. E o Brasil não é conhecido como o país mais estável quando se trata de estabilidade de lei. Alguém disposto a se beneficiar de impostos reduzidos para carros 1.o deve se mover o mais rápido possível.

Gustavo Henrique Ruffo

Sou jornalista automotivo desde 1998 e trabalhei para alguns dos meios, especializados ou não, mais importantes do Brasil, como Folha de S.Paulo, Jornal do Carro, a finada Oficina Mecânica, Gazeta Mercantil, WebMotors, FlatOut, Car and Driver e Quatro Rodas. Também escrevi para meios estrangeiros, como o site World Car Fans, e ganhei alguns prêmios de jornalismo, da SAE, da AEA e o IAM RoadSmart Safety Award 2017, pelo The Guild of Motoring Writers. Também sou autor do livro "O Colesterol do Trânsito", sobre maus motoristas, que pode ser comprado como ebook no Hotmart, na Amazon e como cópia física no Clube de Autores.