VW revela seu substituto para o motor 1.4 TSI, o 1.5 VGT

O célebre motor 1.4 TSI da Volkswagen, membro da família EA211, será substituído. Mas ninguém vai sentir falta, considerando o que virá em seu lugar: um motor 1.5 (o que aconteceu com o downsizing?) com VGT (Variable Geometry Turbocharger, ou turbo de geometria variável), uma primazia quando se fala de motores a gasolina de larga escala. Os únicos que apresentavam VGT até agora eram da Porsche. A tecnologia é mais comum em motores turbodiesel. É por isso que é justo nomear o motor 1.5 EA211 TSI Evo, como a Volkswagen o chama, simplesmente como 1.5 VGT.

VW-15-ea-211-TSI-Evo-VGT-2

Este incrível recurso não é a única surpresa que o novo motor da VW traz. Ele também adotará o ciclo Miller, exatamente como o motor 2.0 usado pelo novo Audi A4 e pelo A3 reestilizado, mesmo que a Audi prefira chamá-lo de “ciclo B”. As outras características são um revestimento especial (APS, de Atmospheric Plasma Spray, ou spray de plasma atmosférico) para menos atrito dentro dos cilindros, um sistema de desativação de cilindros, para melhorar a economia de combustível, e um sistema de injeção direta de alta pressão, mas este ultimo não é tão novidade assim.

VW-15-ea-211-TSI-Evo-VGT-5

Um dos principais problemas para usar o VGT em motores a gasolina eram as altas temperaturas dos gases de escape deste tipo de motor, que exigiam componentes muito especiais, capazes de resistir ao calor. É por isso que somente os motores Porsche o utilizavam: custo. O sistema de geometria variável usa aletas para controlar o fluxo de ar e o comportamento do turbocompressor. Você pode ter mais torque em rotações mais baixas e mais potência em altas rotações, em suma. Veja como funciona o sistema abaixo.

Com esses recursos, o 1.5 VGT será oferecido em carros novos no final deste ano, inicialmente entregando 96 kW (131 cv) e 110 kW (150 cv). Lembre-se de que o ciclo Miller é mais eficiente, mas torna o motor menos potente do que um de ciclo Otto (por isso a potência próxima da oferecida pelo 1.4).

VW-15-ea-211-TSI-Evo-VGT-3 VW-15-ea-211-TSI-Evo-VGT-4

Na versão 96 kw, o 1.5 VGT terá 200 Nm de torque de 1.300 rpm a 4.500 rpm. A potência máxima também vai se espalhar de 4.750 rpm até 5.500 rpm. Se provar ser confiável, ele será uma incrível obra de engenharia.

Gustavo Henrique Ruffo

Sou jornalista automotivo desde 1998 e trabalhei para alguns dos meios, especializados ou não, mais importantes do Brasil, como Folha de S.Paulo, Jornal do Carro, a finada Oficina Mecânica, Gazeta Mercantil, WebMotors, FlatOut, Car and Driver e Quatro Rodas. Também escrevi para meios estrangeiros, como o site World Car Fans, e ganhei alguns prêmios de jornalismo, da SAE, da AEA e o IAM RoadSmart Safety Award 2017, pelo The Guild of Motoring Writers. Também sou autor do livro "O Colesterol do Trânsito", sobre maus motoristas, que pode ser comprado como ebook no Hotmart, na Amazon e como cópia física no Clube de Autores.

Secured By miniOrange